Consultar FGTS a que têm direito e saber em que condições podem ter acesso a ele interessa aos trabalhadores.

O acesso ao Saldo FGTS informa os recursos disponíveis que podem ajudar a viabilizar sonhos como o da casa própria ou proteger um indivíduo e sua família em caso de doença ou desemprego.

As razões expostas acima tornam ainda mais importante entender Como Consultar FGTS e como sacar seu saldo.

 

 

Como consultar FGTS ?

Consultar FGTS é relativamente fácil. O Extrato do FGTS pode ser consultado pela internet em um processo simples que envolve pouco passos.

Primeiro, acesse o endereço http://www.fgts.gov.br/Pages/sou-trabalhador/acompanhe-fgts.aspx#section4 .

Cumprido o passo anterior, clica-se no botão verde Consultar Extrato.

Deve-se, então, como pedido, digitar o NIS assim como senha de internet, clicar que não é um robô e clicar em OK.

Se não tiver cadastrado anteriormente uma senha de internet, é necessário clicar em Cadastrar Senha.

Depois de cadastrar a senha de internet, basta fazer o que foi indicado acima.

Sabe-se que algumas pessoas experimentam dificuldades para descobrir seu número NIS e consequentemente Consultar FGTS..

Há, porém, várias alternativas para descobrir esse dado importante.

O número NIS pode, por exemplo, ser encontrado junto aos dados do trabalhador na Carteira de Trabalho e Previdência Social.

Pode também ser encontrado em evidência no Cartão Cidadão que a Caixa Econômica Federal emite.

Trata-se de uma sequência numérica que possui mais de nove dígitos.

O NIS pode ser encontrado no Cartão Bolsa Família dos beneficiários desse programa social.

O número encontrado nesse cartão é o do titular.

Há modelos recentes da carteira de Identidade em que o número NIS aparece perto das siglas PIS-PASEP, que têm o mesmo número

Neste caso, deve-se preencher os dados pedidos.

Para Consultar FGTS é possível conseguir presencialmente o Extrato do FGTS.

Nesse caso, é preciso levar Carteira de Trabalho e a Carteira de Identidade a uma sede da Caixa Econômica Federal


FGTS 2018

O que é FGTS

FGTS é o Fundo de Garantia por Tempo de Serviço. Foi estabelecido no ano de 1966.

O Regime Militar, no Governo Castello Branco, criou o FGTS como uma alternativa ao sistema então vigente que concedia estabilidade no emprego ao trabalhador depois de 10 anos no emprego.

O empregador deposita em uma conta em nome do empregado aberta na Caixa Econômica, parcelas mensais equivalentes a 8% do salário do empregado.

Enquanto o empregado está trabalhando, os recursos na conta vão se acumulando com os sucessivos depósitos.

Ou seja, o Saldo FGTS do indivíduo vai aumentando.

Outra fonte desse acúmulo para o trabalhador é o fato de que os recursos em sua conta do FGTS ganham juros.

O dinheiro das contas de FGTS é usado pelo governo em investimentos em setores importantes para a economia e para o bem-estar da sociedade. Por exemplo, em infraestrutura ou habitação.

Quando os investimentos feitos com o dinheiro do FGTS dão bons retornos, os titulares de contas do FGTS podem receber abonos.

Em 2017, por exemplo, 88 milhões trabalhadores receberam pouco mais de 7 bilhões de reais no total.

Ou seja, em média, pouco mais de 80 reais no ano por trabalhador contemplado.

Contudo, quase três quartos dos trabalhadores receberam apenas até 10 reais.

O valor do abono recebido dependeu do valor que o trabalhar tinha em sua conta em 31 de dezembro de 2016.

 

 

Por que FGTS fica retido

O FGTS, como dito, é usado em investimentos públicos além de servir de reserva para o trabalhador.

Por esses motivos, apenas em situações bem específicas, os recursos do FGTS podem ser sacados.

Essas situações podem ser consultadas em http://www.fgts.gov.br/Pages/sou-trabalhador/como-sacar.aspx

A mais lembrada delas é a demissão sem justa causa.

Outras circunstâncias que também se enquadram são aposentadoria, a rescisão de contrato por motivo de força maior e o falecimento do trabalhador.

É permitido o saque também se o trabalhador ou um dependente que tiver câncer ou estiver com o vírus HIV ou encontrar-se em estágio terminal devido à gravidade da doença.

O dinheiro também pode ser sacado se o titular da conta possuir 70 anos de idade ou mais.

O dinheiro do FGTS também pode ser usado para adquirir casa própria ou para saldar ou amortizar dívida de financiamento habitacional ou para pagar prestações de financiamento habitacional.

Ele também pode ser utilizado para liquidar ou amortizar dívida de sistema de consórcio imobiliário ou para pagar prestações desse tipo de consórcio.
Se nenhuma circunstância dentre as que permitem o saque acontecer, o dinheiro fica retido.

A orientações de acesso são semelhantes as que foram indicadas para acessar o site e basta seguir todas as orientações que forem solicitadas!

 

 

Como Consultar FGTS Pelo CPF

Saber como consultar FGTS pelo CPF é extremamente útil e fácil e pode ser feito de várias maneiras a serem escolhidas por você!

É possível fazer essa consulta das seguintes maneiras:

  • Por telefone – ligando na central de atendimento da Caixa Econômica Federal (0800 726 0207) e seguindo todas as orientações que forem indicadas durante a chamada.
  • Online: Usando o acesso através do site, de forma rápida e comoda! Para tanto, poderá ser necessário os seguintes documentos:
    • RG
    • PIS
    • CPF
    • Título de eleitor

E caso de dúvidas, no inicio desse artigo orientamos melhor sobre como fazer esse acesso sem qualquer mistério!

    • Pelo celular: a caixa disponibiliza o serviço via dispositivo móvel por SMS de forma gratuita.
    • Presencialmente: Se quiser um atendimento mais próximo, basta ir até uma das unidades da Caixa. Nesse caso, tenha em mãos seu cartão cidadão!


FGTS Brasil

Onde sacar e Consultar FGTS?

O FGTS pode ser resgatado nas salas de autoatendimento que existem nas agências da Caixa Econômica Federal.

Assim, não é necessario a apresentação do Cartão do Cidadão, apenas do número NIS.

Da maneira apontada acima é possível sacar valores inferiores a 1500 reais.

Saques de até 3000 reais podem ser realizados em postos de atendimento eletrônico, salas de autoatendimento, Correspondentes Caixa Aqui e unidades lotéricas.

O método acima exige Cartão do Cidadão e senha.

Saques acima de 3000 reais podem ser realizados em quaisquer agências da Caixa.

Os documentos necessários a cada caso de saque do FGTS podem ser conferidos aqui:

 

Quanto tempo leva para receber o FGTS

Demora relativamente pouco tempo receber o FGTS.

O tempo exato depende basicamente do motivo do saque.

Caso tenha havido rescisão de contrato, o empregador deve avisar à Caixa.

Essa comunicação entre empregador e Caixa Econômica dá-se por meio de um canal eletrônico que tem por nome Conectividade Social.

O Saldo FGTS estará disponível para o trabalhador em até 5 dias úteis.

Caso a rescisão do contrato tenha se produzido por acordo entre empregado e seu empregador, a partir do quinto útil após a quitação da multa rescisória, o trabalhador poderá sacar seu benefício em qualquer agência da Caixa.

É preciso, contudo, deixar um fato bem claro. No caso desse acordo, o trabalhador só terá direito a sacar 80% do Saldo FGTS.

Os outros 20% não se perdem. Eles, porém, só poderão ser sacados quando se produzir outro motivo para saque de FGTS.

Nos demais casos, o trabalhador ou um representante pode sacar o Saldo FGTS imediatamente ao se dirigir a uma agência com os documentos exigidos no caso específico.

Veja também como consultar Pasep.

 

Fechar Menu